sexta-feira, 17 de junho de 2011

Arcano IX (9) - O Eremita



9o ARCANO – O EREMITA (O Ermitão)


   


O 9º Arcano é figurado por um velho que anda apoiado no seu bordão (bastão) e traz uma lâmpada acesa, meio escondida sob o seu manto. Este velho representa a experiência adquirida no trabalho da vida, a lâmpada acesa significa a luz da inteligência que deve estender-se sobre o passado, o presente e o futuro. O manto que a encobre parcialmente significa discrição. O bordão simboliza o apoio prestado pela prudência ao homem que não revela seu pensamento.

O 9º Arcano é o Ermitão, prudente e sábio, é a Solidão. Na Nona Esfera, há grandes dores.

 
Na Nona Esfera existe a Suprema Dor, como disse Dante na Divina Comédia. Há que se aprender a sofrer, a ser resignado. Os que não o são, fracassam.


Sefirote Kabalístico: Yesod
Letra hebraica: Teth
Planeta: Marte
Signo: Áries (Em Cabala Hermética é Virgem/Amor Sexual)


Axioma transcendente:

“Sobe a montanha e contempla a terra prometida, mas não te digo que entrarás nela”.


“Lembra-te, filho da Terra, que a prudência é a armadura do Sábio.
A Circunspecção faz-lhe evitar os escolhos
ou abismos e pressentir a traição.
Toma-o por guia em todos os teus atos, mesmo nas menores coisas.
Nada é indiferente neste mundo;
 uma pedrinha pode fazer tombar o carro de um senhor do mundo.
Lembra-te que se a palavra é de prata, o silêncio é de ouro”.



"O Eremita no ato de iluminar o mundo interior."
©Iglesias Janeiro



TETH

O mistério de insondável. O princípio do amor como ato puro,
o elemento de conservação e renovação, o gênio protetor,
a prudência, a iniciação nos arcanos da vida superior.



Marte em Áries
 
AQUÁRIO



PREDIÇÃO: Promete a ciência para fazer descobrimentos, ordem ao realizá-los e cautela para servir-se deles. Associações propícias e associações infelizes. Amigos que ajudam e amigos que trazem obstáculos. Luz da razão e Luz da intuição, a primeira para o imediato e a segunda para o que há de ser.

Esta Lâmina significa prudência, proteção, sabedoria, circunspecção. Interiorização, iluminação interior, fechamento de um ciclo, autoconhecimento.


Significados simbólicos



O Iniciado, o buscador incansável. Sabedoria, iluminação, estudo, autoconhecimento

Meditação, recolhimento, saber desligar-se. Reavaliação da vida e dos objetivos.

Concentração, silêncio. Profundidade.

Prudência. Reserva. Limites. Influência saturnina.


Mensagem: Momento de realizações, tudo que não foi realizado até agora, poderá se realizar brevemente. Sorte nos jogos, arrisque com prudência.





A Revelação indica o processo de descoberta dos dons. Mostra a figura do velho, um eremita que carrega sua luz como símbolo da confiança na sabedoria que construiu. Consciente de que encontrou seus verdadeiros valores.

Ao redor de três anos atrás, você estava se sentindo como um peixe fora d'água, como se tivesse perdido o rumo, o sentido de vida, a integração em seu ambiente. Por isso, você penetrou dentro de si mesmo em busca dos seus próprios valores. Você se isolou para reconhecer o que era seu mesmo, ideais de vida, seus dons. Você estava em busca do que é valioso para você e em você, o que na realidade lhe interessa e anima.

Com essas respostas, você foi iluminando seu interior como uma caverna. E de um ano e meio para cá, você encontrou uma porta. Ao abri-la visualizou um mundo que tem tudo a ver com você. Onde você é alguém e pode realizar o que sempre sonhou. Mas, era bom demais para ser verdade. Por isso, você vem desde então testando. Será que posso realmente confiar que achei o que estava buscando? Essa maneira de ser eu mesma (o) e ser bem recebida(o)?

Neste momento você está tendo todas as confirmações de que você pode confiar nas verdades que encontrou. Você está identificando seu espaço, as pessoas que combinam e pensam como você. Enfim, você está saindo do isolamento em que vivia e encontrando canais que se identificam muito com você para se expandir.

Portanto é um momento de muitas descobertas, que vem acontecendo de um ano e meio para cá, mas que tem sua confirmação neste momento. Revelações de estórias que trazem explicações importantes para você se libertar de mágoas, dívidas, desentendimentos.

Oportunidades para você revelar seus dons, sua sabedoria. Como também iluminar sua Alma Gêmea, no meio talvez de pessoas já conhecidas.

Ideais e idéias. Verdades vindo à tona. Identificação da solução de problemas. Você está saindo do isolamento em que vivia. Encontra um ponto de conexão onde ela pode usar o que encontrou. É uma carta que mostra a pessoa num isolamento passado e saindo dele no presente. É uma carta importante, pois ela afirma que a pessoa vem encontrando respostas para aquilo que buscava - Solução de problemas.


 

Quando ela sai, no presente, mostra a pessoa um pouco desconfiada, pois apesar dela ter revelado coisas importantes, ela ainda tem medo de que a luz se apague. É normal o manto estar cobrindo a lamparina - é uma carta que mostra você encontrando o seu sentido de vida, você descobrindo qual é a sua profissão, descobrindo a sua alma gêmea - seus dons. Enfim, sempre novas descobertas.

Traz revelações, soluções.




Interpretações usuais na cartomancia



Austeridade, moderação, sobriedade, discrição. Médico experiente, sábio que cala seus segredos. Celibato. Castidade.





Plano Espiritual ® A manifestação da luz divina nas obras humanas, a sabedoria absoluta, a comunhão do pensador com seu pensamento e com o objeto do pensamento. ©Iglesias Janeiro



Aton, o deus que traz a energia vital, o Deus único de Akenaton. Os raios sobem para o sol e não são projetados por ele, como se o Eremita estivesse promovendo a luz.



Plano Mental ® A descrição, a caridade e o conhecimento; a seleção entre o verdadeiro e o falso, o agrado e o desagrado pelo que é moral ou imoral, o juízo que compara e resolve.©Iglesias Janeiro



Ele tem nas mãos o cajado e a lamparina. O Sol invade o Plano Espiritual, os raios vêm de baixo para cima, dando o sentido que é o eremita que está trazendo a luz. A lamparina, a luz, é o símbolo da descoberta, da essência, da revelação. O escuro do manto representa o passado, o inconsciente, o oculto. Ele está gerando essa luz das profundezas da Alma. Ele leva a luz para o futuro. O cajado é a base, a estrutura. A palmeira atrás dele, no lado do passado indica que ele está deixando o deserto, saindo do isolamento.



Plano Material ® Tende ao desenvolvimento molecular, a culminação de tudo o que é anterior, o ornamento da obra concluída e a ascensão a planos mais elevados.©Iglesias Janeiro



O Sol, coberto pela tempestade de areia simboliza a sabedoria oculta no desconhecido.



 

IX (ou VIIII). O Eremita (ou Ermitão)
O Arcano da Consciência, do Iniciado


   
Tarô Marselha- Camoin
Tarô de Marselha
(Baralho de Kris Hadar)
Tarô de Marselha
(Baralho de Oswald Wirth)

Um homem, de pé, tem na mão esquerda um bastão que lhe serve de apoio, enquanto que com a direita levanta uma lanterna até a altura do rosto. Está representado de três quartos, com o rosto voltado para a esquerda. Veste uma grande túnica e um manto azul com o forro amarelo. Seu capucho, caído sobre as costas, parece continuar a túnica e é arrematado por uma borla amarela.
A lâmpada, aparentemente hexagonal, tem apenas três de seus lados visíveis, sendo o central vermelho e os restantes amarelos.
O fundo da gravura é incolor, e o chão de um amarelo estriado de listas negras, muito semelhante ao reverso do manto.




Mental: Contribuição luminosa à resolução de qualquer problema. Esclarecimento que chegará de modo espontâneo.

Emocional: Alcançar as soluções. Coordenação, encontro de afinidades. Significa também prudência, não por temor, mas para melhor construir.

Físico: Segredo descoberto, luz que se fará sobre projetos até agora ocultos. Na saúde: conhecimento do estado real, consultas que podem remediar os problemas.



Sentido negativo: Obscuridade, concepção falsa de uma situação. Dificuldades para nadar contra a corrente. Timidez, isolamento, depressão, recusa de relações.

Mutismo, circunspecção exagerada, isolamento, caráter fechado. Avareza, pobreza. Conspirador tenebroso.




Este Arcano exprime:

No MUNDO DIVINO A Sabedoria Absoluta.
No MUNDO INTELECTUAL A Prudência, diretora da Vontade.
No MUNDO FÍSICO A Circunspecção, guia dos atos.


Lâmina 9 – O Eremita

 



A variação dos modelos convencionais nesta carta consiste apenas no fato de não estar a lanterna parcialmente envolta no manto de seu portador,que traz a idéia do Antigo dos Dias com a Luz do Mundo. E uma estrela que brilha na lanterna. Eu já disse que essa é uma carta de consecução, e para acentuar essa concepção, a figura está mostrando o seu fanalem uma elevação. O Ermitão não é, portanto, como Court de Gebelin explicou, um homem sábio em busca da verdade e da justiça; nem é, como propõe uma explicação posterior, um exemplo especial de experiência. Seu fanal mostra que onde eu estiver, também tu podes estar. É, além disso, uma carta entendida muito incorretamente quando relacionada com a idéia de isolamento oculto, como proteção do magnetismo pessoal contra a mescla. Essa é uma das frívolas interpretações que devemos a Eliphas Lévi, e que foi adotado pela Ordem do Martinismo francesa, e alguns de nós ouvimos falar muito sobre o Filósofo Desconhecido e Silencioso, envolto em seu manto para proteger-se contra o conhecimento do profano. No verdadeiro Martinismo, a significação do termo Filósofo Desconhecido era de outra ordem. Não se referia à deliberada ocultação dos Mistérios Instituídos, muito menos de seus substitutos, mas — como a própria carta — à verdade que os Mistérios Divinos asseguram a sua própria proteção contra aqueles que não estão preparados.



9. O Ermitão - Prudência, circunspecção; também especialmente traição, dissimulação, trapaça, corrupção.



Invertida: Ocultação, disfarce, sagacidade, temor, precaução exagerada.




Arquétipo: O velho homem sábio.
Sentido geral: Estar só, introverter-se, desligar-se do mundo, silêncio, autodescoberta, ascese, seriedade.
Profissão: Reexame de antigos objetivos e perspectivas.
Relacionamento: Descansar em si mesmo ou com outra pessoa.
Consciência: Proteger-se contra os pensamentos alheios.
Sentido Espiritual: Cristalização da própria vontade.
Objetivo: Ser autêntico, percorrer o próprio caminho.
Sombra: Auto-ilusão, amargura, rancor.
Carta Invertida: Isolamento, não-manifestação das idéias.
9 como quintessência: O bem pensado caminho do profundo autoconhecimento e sábia humildade.








2 comentários: